fbpx

Blog HellTattoo

/
Blog

Principais mitos e verdades sobre cicatrização da tatuagem

processo de cicatrização da tatuagem

Hoje vamos falar um pouco sobre cicatrização da tatuagem, desde tatuagens feitas no braços, mãos, pernas, costas, enfim. Nos dias de hoje, as tattoos se tornaram algo bastante comuns na sociedade e é difícil encontrar uma pessoa que ainda não possua uma arte em seu corpo, por mais simples e discreta que seja.

Em qualquer lugar que seja realizado a arte, é preciso seguir uma série de cuidados especiais, afim de evitar problemas na cicatrização da tatuagem na pele, evitar riscos da tatuagem inflamar ou ficar infeccionada.

Neste momento, diversas dúvidas começam a aparecer. Em geral, as dúvidas são sobre como hidratar corretamente a pele e qual é a alimentação correta a se fazer neste período para que o desenho não perca o brilho ou fique diferente de quando foi feito.

Pensando nisso, e visando cessar os principais mitos e verdades que abordam a cicatrização da tatuagem em si, fizemos este artigo, confira!

Principais mitos e verdades sobre cicatrização da tatuagem

Frituras e chocolate interferem na cicatrização?

Verdade. As restrições alimentícias estão voltadas, principalmente, ao consumo exagerado de fritura, chocolate e carne de porco, estes alimentos podem causar uma alergia e sensibilizar a pele, isso pode promover uma má cicatrização do tecido cutâneo. O ideal é não consumir estes alimentos durante os primeiros 15 dias.

Tenho que higienizar a tatuagem durante os primeiros dias e como higienizá-la?

Verdade. Assim que o tatuador terminar o desenho é aconselhável que você não molhe a área durante as seis primeiras horas, antes desse tempo a tinta ainda estará fresca e corre o risco de ser removida. Porém, após as seis primeiras horas é preciso remover a bandagem e lavar a área, para evitar infecções.

Durante a primeira semana, use um sabonete neutro e lave com água filtrada. Seque-a com uma toalha limpa e com cuidado para não esfregar o desenho na toalha. Você pode acabar arrancando a casquinha.

As crostas que irão se formar podem ser removidas ?

Mito. Normalmente, após o procedimento a pele fica irrita por cerca de 72 horas. Neste período, faz parte do processo a pele formar uma crosta e descamar, mas essa crosta não pode ser removida, está camada protege a pele fragilizada de possíveis infeções e inflamações.

Além disso, se você remover as crostas você pode tirar junto um pouco de tinta e seu desenho poderá ficar falhado.

Cremes ajudam na cicatrização da tatuagem?

Verdade. Geralmente, o tatuador irá recomendar que você utilize alguma loção tópica sobre o desenho. Muitas vezes, são cremes à base de ureia e óleo de amêndoa, estes cremes são utilizados para deixar a pele hidratada e, assim, evitar com que a casquinha formada rache e solte a tinta antes do tempo necessário.

Entretanto, não abuse do uso do creme. Passe apenas uma camada fina, o suficiente para hidratar a área.

Bater no local tatuado causa queloide?

Mito. Quaisquer machucados que sejam causado após o desenho estar fixado a pele não, induzem ao problema cutâneo. A Dermatologista Marcia Monteiro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) diz que: “A formação do queloide decorre de predisposição genética. A própria tatuagem pode levar a isso e não os ferimentos subsequentes”.

Pós-tratamento para uma boa cicatrização

Mesmo com todos os mitos e verdades sobre a cicatrização da tatuagem, existe uma verdade que é indispensável. Seguir corretamente o pós-tratamento dado pelo tatuador é super importante e diminui muito o risco de problemas acontecerem.

Portanto, se você pretende fazer uma tatuagem siga à risca tudo o que você acabou de ler neste post e também as dicas e instruções extras que o seu tatuador irá lhe passar. Com isso, você terá uma arte totalmente saudável.

Bom, gostou do conteúdo que trouxemos? Conseguimos tirar suas principais dúvidas? Se não, deixe o seu comentário que faremos o possível para esclarecer. Siga-nos nas redes sociais e compartilhe essa informação com seus amigos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *